NANOFILTRAÇÃO

O princípio fundamental da tecnologia de membrana de nanofiltração é o uso de pressão para separar iões solúveis da água por meio de uma membrana semipermeável. A membrana opera sob um perfil hidráulico diferente, também conhecido como filtração de fluxo cruzado, ao contrário de um filtro sem saída.

A maioria das membranas de nanofiltração são materiais compostos suportados por substrato de polímero e fabricados com um design espiral em oposição a uma folha plana ou geometria de tubo. O modelo predominantemente usado hoje para aplicações industriais é a configuração em espiral.

A nanofiltração (NF), no tratamento de água, preenche uma lacuna entre a ultrafiltração e membranas de osmose inversa. Às vezes é referido como uma membrana de RO de rejeição inferior, também poderia ser chamada de UF apertada, já que o tamanho dos poros da membrana NF varia de 0,01 a um pouco menos de 0,001. Geralmente, um sistema de membrana NF permite a passagem de mais sal do que uma membrana RO. Além disso, um elemento de membrana NF produzirá a mesma quantidade de produto em 50 a 70% da pressão aplicada como num sistema de tratamento de água RO.

Existem aplicações em que uma taxa de rejeição de sal de 75% é preferível a 95 a 99%, especialmente quando é obtida usando apenas metade da energia. Ao contrário dos elementos de membrana RO, as ofertas de NF dos principais fabricantes de membrana apresentam um desempenho bastante diferente de empresa para empresa. Com elementos de membrana RO, qualquer modelo com rejeição de cloreto de sódio inferior a 99,5%, especialmente com membranas de água do mar, é considerado inferior. A nanofiltração também tem sido chamada de membrana “amolecedora”, pois embora a sua rejeição de sal possa ser de 80% ou menos, a rejeição de dureza frequentemente permanecerá bem acima de 90%.

  • Separação Seletiva de Compostos:

    A nanofiltração é um processo avançado que utiliza membranas com poros na escala nanométrica, proporcionando uma separação seletiva de iões e moléculas com base nos seus tamanhos e características moleculares.
  • Retenção de Sais e Moléculas Orgânicas:

    Destaca-se pela capacidade de retenção eficaz de sais solúveis em água, bem como de moléculas orgânicas de tamanho moderado, resultando numa água tratada com baixa concentração desses contaminantes.
  • Fluxo Controlado de Água:

    O processo de nanofiltração permite um controlo preciso do fluxo de água, proporcionando maior flexibilidade operacional e eficiência no tratamento, com redução significativa de impurezas.
  • Economia de Energia Comparada à Osmose Inversa:

    Apresenta uma menor pressão operacional em comparação com a osmose reversa, resultando em economia de energia durante o processo de filtração, tornando-a uma alternativa eficiente em termos energéticos.
  • Aplicações Diversificadas:

    Amplamente usada em diversas áreas, como o tratamento de água para consumo humano, remoção de contaminantes em efluentes industriais e recuperação de materiais valiosos a partir de soluções aquosas.
  • Pós-Tratamento e Polimento:

    Serve como um estágio eficaz de pós-tratamento em sistemas de purificação de água, atuando no polimento da água tratada para garantir a conformidade com padrões de qualidade mais rigorosos.

FT NF250
FT NF250